OFICINA DE RÁDIO POPULAR E PODCAST EM ABAETETUBA-SECOM

OFICINA DE RÁDIO POPULAR E PODCAST

Oficina de Rádio Popular e Podcast em Abaetetuba

A Secretaria de Comunicação do Estado do Pará, através da Diretoria de Comunicação Popular e Comunitária, realizou no período entre 5 à 8 de outubro, a Oficina de Rádio Popular e Podcast, para radialistas de Abaetetuba (PA).

Scretaria de Estado de Comunicação Social

A realização da Oficina de Rádio Popular e Podcast foi uma iniciativa do Instituto Rosa dos Ventos de Abaetetuba, com apoio da Faculdade de Educação Tecnológica da Amazônia FAM. A oficina teve carga horária total de 16 horas e reuniu cerca de 25 profissionais que atuam na área da comunicação popular no município e amantes das atividades e programações de rádio FM, Web e Podcast.

“Essas oficinas vêm para qualificar e atualizar os nossos conhecimentos, aprimorando as nossas técnicas. Com essas informações, vou poder experimentar outros formatos, como o podcast, que abrirá novos horizontes para mim no mercado de trabalho. Tem tudo para melhorar a minha vida no campo profissional, porque poderei produzir conteúdos mais bem elaborados”, afirmou o professor e comunicador de Abaetetuba, Hélio Maués, um dos participantes da Oficina de Rádio, realizada pela Secretaria de Comunicação do Estado do Pará (Secom) e diretor da Rádio Comunitária Miriti FM, de Abaetetuba.

O diretor de Comunicação Popular e Comunitária (DCPC) da Secom, Fábio Oliveira, explica que além de atuar nos territórios do TerPaz, a diretoria procura estabelecer parcerias com instituições, ONGs, prefeituras, para interiorizar as suas ações: “Queremos promover, cada vez mais, o diálogo com as comunidades, estimular a criação de polos de comunicação comunitária e democratizar o acesso à informação e à comunicação”, destaca o diretor de comunicação popular e comunitária da Secom, Fábio Oliveira, em entrevista para Agência Pará.

Vidas e Vozes Negras no Rádio, importam!!! #BLM

A Oficina de Rádio Popular e Podcast foi ministrada por Angelo Madson Tupinambá, sociologo, comunicador popular e fundador do Instituto Idade Mídia. Há cerca de 20 anos desenvolve metodologia própria na plataforma de Educomunicação do institutito Idade Mídia – Comunicação para Cidadania. Com experiência de formação teórica e habilitação técnica de agentes multiplicadores em comunicação popular, Angelo Madson é especializado na produção para rádio comunitárias e podcast. Como instrutor do antigo Projeto Biizu, da Diretoria de Comunicação Popular e Comunitária da Secretaria de Estado de Comunicação (SECOM), Governo do Pará, já atuou em programações da Feira Pan Amazônica do Livro e Conferências Regionais de Juventude do Estado do Pará. Bragança, Xingu, Parauapebas e Ourilândia. Atividade realizada em todas as messoregiões do Estado do Pará nas diversas gestões que passaram pelo governo.

Nossa proposta de trabalho busca desenvolver ações sociais no campo da Educomunicação, promovendo oficina de formação teórica e habilitação técnica, com objetivo, possibilitar aos participantes o acesso às técnicas de produção de materiais radiofônicos.

Os participantes da oficina adquirem habilidades e competências diante da convergência entre as Tecnologias de Informação e Comunicação, compreendendo seu uso como uma ferramenta para construção dos valores da cidadania e da garantia de direitos. Pois é, justamente, a partir do conceito de cidadania que devemos inserir o debate sobre a função social do rádio nos espaços públicos e comunitários. Pressupondo-se que cidadania não é algo que se ganha, mas que se constrói a partir de sensibilização, conscientização e mobilização de indivíduos transformados em sujeitos históricos cientes de sua própria condição, descobrindo linguagens, a dimensão da mensagem e tendo o cotidiano como ação comunicativa.

Cris Vinagre – Programa O Show das Empodeiradas

Apresentamos metodologia elaborada a partir do conceito de gestão comunicativa, na qual o partícipe percebe que a comunicação pode ser planejada, administrada e avaliada coletivamente, trabalhando todas as etapas do processo de produção colaborativa. Participantes podem assim adquirir habilidades e competências, quebrando a hierarquia nas relações de produção e favorecendo a criação de um ecossistema comunicativo, aberto, democrático, participativo, criativo e colaborativo.

A Oficina de Produção Radiofônica e Podcast utiliza elementos da metodologia desenvolvida pelo Instituto Idade Mídia – Comunicação para Cidadania, em 20 anos de contínua atividade no Pará. No entanto, foi a primeira no formato realizada em contexto de pandemia e de suas consequências na radiodifusão popular e comunitária paraense. Portanto, o processo técnico de produção para radio web e podcast foi voltado para tecnologia mobile, smartphones e notebooks. Com um dia de formação teórica e 3 dias de capacitação técnica, divididos em pré-produção, produção e pós produção, teremos uma concepção atual da cadeia produtiva do áudio digital

Entre os assuntos abordados na oficina de Rádio estão: Linguagem Radiofônica; Gêneros e Formatos Radiofônicos; O que é Podcast; Gênero Publicitário; Gênero Informativo; Elaboração de Roteiro Radiofônico; Gravação de Off; Artesanato Sonoro – Edição de Áudio; Transmissão Rádio Web e Plataformas Digitais. Rádio Web Streaming. De acordo com o instrutor de Rádio, Angelo Madson, o intuito é oferecer a formação teórica e habilitação técnica para agentes multiplicadores que já atuam na comunicação popular nos seus municípios, seja com rádios comunitárias, redes sociais ou até mesmo nas televisões locais.
 
“A oficina desenvolve habilidades e competências necessárias dos profissionais para o exercício da função. O conteúdo envolve as etapas de pré-produção, produção e a pós-produção. Queremos garantir mais autonomia, independência e maior produtividade dos nossos alunos”, argumentou.

Mulheres Radialistas. Comunicadoras Populares. Rádio Conceição FM.

COMUNICAÇÃO COMUNITÁRIA E A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA

Elencou as principais características da Comunicação Comunitária, vista como processos comunicativos constituídos no nível de comunidades organizadas, formadas a partir de laços indenitários, étnicos, políticos ou por compartilhamento de circunstâncias de vida em comum. Seus princípios de ordem pública: difusão de conteúdos educativos, culturais, em prol da cidadania, sem fins lucrativos, participação ativa da população, pertencer comunidade e a ela se dirigir, expressar seus interesses e necessidades comunicacionais, além de privilegiar a propriedade e a gestão coletiva.

A LINGUAGEM RADIOFÔNICA – GÊNEROS E FORMATOS

Apresentou os elementos da linguagem radiofônica. Gêneros Jornalísticos e Publicitário e os principais formatos de produção utilizados no rádio ou Podcast.  

ELABORAÇÃO DE ROTEITO RADIOFÔNICO – ESCREVER PARA O OUVIDO

Habilitou para criação, elaboração e adaptação de textos. A construção do roteiro radiofônico e criação de programas de rádio – Substituindo o improviso pelo ato de planejar, executar e avaliar.

TÉCNICAS DE LOCUÇÃO – GRAVAÇÃO DE OFF

Exercitou técnicas de aquecimento e preparação vocal. Gravação do OFF a partir do roteiro de rádio previamente elaborado em atividade estrutural.

ARTESANATO SONORO – EDIÇÃO DE ÁUDIO

Princípios básicos de instalação e formatação de softwares de edição de áudio. Edição final não linear do material de áudio do programa de rádio. Editores de Áudio Móbile para celular.

 TRANSMISSÃO, RADIO WEB E PODCAST (STREAMING)

Transmissão FM – Rádio Web – Streaming – Bluetooth Uso de Mídias Sociais para Circulação de conteúdo 

Cidade de Aba Eté Tyba

VEJA O ROTEIRO FINAL DO PROGRAMA COM UNIDADE EM AÇÃO

ROTEIRO DE PROGRAMAÇÃO

PROGRAMA: COM UNIDADE E AÇÃO

PRODUÇÃO: LABORATÓRIO DE COMUNICAÇÃO POPULAR – RÁDIO

EQUIPE: ADRIANA APARECIDA, BENEDITA IZABEL, CRISTIANE FERREIRA, DUCELINA VIEIRA, EDÍO FERREIRA, ELIZEU MONTEIRO, IZIANE GOMES, LEIDIANE VILHENA, MARIA DA CONCEIÇÃO, MARIONALDO COSTA, PALOMA DA SILVA, SEBASTIÃO JOSÉ COSTA, SILVANA NEGRÃO, NELMA DA CONCEIÇÃO, OLIVIA CRISTIANE, DALGISA DA CONCEIÇÃO.    

012345678901234567890123456789012345678901234567890123456789012345

TEC.: VINHETA DE ABERTURA – LOC: COM UNIDADE E AÇÃO (EDÍNHO)

TEC.: “Musica de abertura” (15”), vai à BG.

LOC 1: ELIZEU – OLÁ QUERIDO OUVINTE! SOU ELIZEU MIRANDA.

LOC 2: SOU PALOMA SILVA!  ESTÁ NO AR O PROGRAMA COM UNIDADE EM AÇÃO!

LOC1: O TEMA DO NOSSO PROGRAMA É A IMPORTANCIA DO RADIO PARA COMUNIDADE;

LOC2 COM REPORTAGEM DE BENETIDA PRAZERES E PRODUÇÃO DE CRISTIANE FERREIRA

LOC1: OUÇA AGORA A NOTICIA DA SEMANA

TEC: VINHETA – NOTICIAS

TEC: TRILHA DE JORNALISMO (15’’) VAI À BG

1234567890123456789012345678901234567890123456789012345678901234567

BLOCO DE NOTICIAS

LOC1: NO PERIODO DE 5 A 8 DE OUTUBRO / ACONTECEU A OFICINA DE RADIO POPULAR NA FACULDADE DE EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA DA AMAZONIA, LOCALIZADA EM ABAETETUBA, PARÁ. //

REALIZADA PELA  SECRETARIA DE ESTADO DE COMUNICAÇÃO EM PARCERIA COM INSTITUTO ROSA DOS VENTOS //

A OFICINA REUNIU PROFISSIONAIS QUE JÁ ATUAM NA AREA DA COMUNICAÇÃO E TAMBÉM AMANTES DAS ATIVIDADES E PROGRAMAÇÕES DE RÁDIO //

O CURSO FOI MINISTRADO PELO PROFESSOR ANGELO MADSON TUPINAMBÁ, SOCIOLOGO E COMUNICADOR POPULAR.

VALE LEMBRAR, QUE ABAETETUBA TEM UMA LONGA TRADIÇÃO NA COMUNICAÇÃO POPULAR ATRAVES DA LINGAGEM SONORA E CONTA COM DUAS RADIOS COMUNITARIAS E UMA EDUCATIVA ATUANDO NA REGIÃO

COM PRODUÇÃO DE CRISTIANE FERREIRA E APRESENTAÇÃO DE BENEDITA PRAZERES ESSA FOI A NOTICIA DA SEMANA.

1234567890123456789012345678901234567890123456789012345678901234567

SOPT

LOC:1 IZIANE – LUGAR DE MULHER É ONDE ELA QUIZER! NAS RUAS REDES E RÁDIO

LOC2: SILVANA – MULHERES / SÃO COMO AS ÁGUAS,// CRESCEM QUANDO SE ENCONTRAM.

LOC3: CRIS – SEJA UMA MULHER QUE LEVANTA OUTRAS MULHERES

LOC 123: MULHERES EMPODERADAS EMPODERAM OUTRAS MULHERES!

LOC4: UMA CAMPANHA DO PROGRAMA COM UNIDADE EM AÇÃO.

1234567890123456789012345678901234567890123456789012345678901234567

LOC1 O RÁDIO DESEMPENHA UM PAPEL FUDAMENTAL NA SOCIEDADE POIS ALCANÇA LOCAIS COMO AS COMUNIDADES RURAIS, ONDE O JORNAL IMPRESSO NÇAO CHEGA. // ALÉM DE BARATO E DE FACIL ACESSO FAVORECE A IMAGINAÇÃO DO OUVINTE.

LOC2: O RADIO / É UM MEIO DE COMUNICAÇÃO QUE FAZ A INTEGRAÇÃO ENTRE AS PESSOAS / COM AGILIDADE. //DANDO A TODOS / A POSSIBILIDADE DE EMOCIONAR, ENTRETER, INFORMAR E MOBILIZAR.

LOC3: O RADIO FOI A PRINCIPAL FONTE DE INFORMAÇÃO PARA AS COMUNIDADES / E TEVE PAPEL FUNDAMENTAL DURANTE A PANDEMIA. PRINCIPALMENTE POR SUA CREDIBILIDADE E UTILIDADE PUBLICA

LOC1 AO LONGO DOS ANOS / O SURGIMENTO DE NOVAS MÍDIAS COLOCOU EM CHEQUE O FUTURO DO RADIO. MAS O RADIO SE REINVENTA TODOS OS DIAS E SE MANTEM EM EVIDENCIA. ESSE É PODER DO RADIO.

ENCERRAMENTO:

LOC1: DALGISA – MUITO OBRIGADO QUERIDO OUVINTE! PELO PRAZER DA SUA COMPANHIA PELA AUDIENCIA E POR SEU CARINHO.

LOC2: CONTINUE LIGADO / EM NOSSA PROGRAMAÇÃO.  

LOC3: PORQUE A COMUNICAÇÃO POPULAR É A VOZ DO POVO NO RÁDIO

LOC4; ABAETETUBA É CIDADE SONORA, DE POVO FORTE E SONHADOR

LOC5 ENTÃO LIGUE O RADIO PRA SONHAR

TODOS: PARA MUDAR O MUNDO COM UNIDADE E AÇÃO.

OUÇA O PROGRAMA PELO CASTBOX

https://castbox.fm/vb/432699277



Categorias:Educomunicação

Tags:, , ,

%d blogueiros gostam disto: